Prefeitura Municipal

de Guatapará-SP

Última Atualização do Site:
26/04/2017 16:09:07





Histórico

O Município de Guatapará (nome originário de um cervo já extinto na região mas que na época era encontrado com certa abundância) se originou da extinta Fazenda Guatapará. Fundada em 1865 por Martinho Prado da Silva Júnior, mais conhecido como Martinico Prado, a Fazenda Guatapará era uma área antes pertencente à Fazenda Agrícola Dumont, da família de Santos Dumont.

Logo no primeiro ano de fundação da fazenda, foram desbravados 260 alqueires para o cultivo de café, dando origem à maior área cafeeira do planalto de Ribeirão Preto-SP. Martinho Prado da Silva Júnior tinha como objetivo criar uma cidade no local onde então se localizava a fazenda.

Chegou até mesmo a traçar ruas. O desbravador levou a ferrovia para a fazenda dando o nome de Albertina à futura cidade, em homenagem a sua esposa. Os planos da época eram os de superar o desenvolvimento de Ribeirão Preto.

Em 1938, por exigência do Governo Federal, os Estados e Municípios tiveram que regularizar e demarcar suas divisas em pontos fixos. Foi então que o Prefeito de Ribeirão Preto, Fábio de Sá Barreto, por meio do Decreto nº 9775 (30/11/1938), criou o Distrito de Guatapará, cuja sede era localizada na Fazenda Guatapará. A sede do Distrito permaneceu na fazenda até 1962.

Neste ano, por meio da Lei Municipal nº 246 de 08 de setembro de 1962, a sede do Distrito foi transferida para a parte fronteiriça à estação de Guatapará na época servida pelas Estradas de Ferro Paulista e Mogiana.

Em novembro de 1989, por meio de plebiscito, o povo de Guatapará decidiu pela emancipação do Distrito. Com isso, surgiu o município de Guatapará. Entretanto, somente em 1992, com eleições simultâneas em todo o país, a cidade pôde eleger o seu Prefeito e os seus Vereadores, os quais tomaram posse em 1993.

Fonte: Prefeitura Municipal de Guatapará
Guatapará,
Busca

NEWSLETTER

Cadastre-se e receba boletins informativos por e-mail.
Clique aqui para se cadastrar.